sexta-feira, 18 de abril de 2008

Sobre amor e blues


O amor não é assim tão simples. Falávamos de bisturis e de como você consegue arrancar tudo aqui de dentro, me deixando assim, oca. Só porque perguntei como alguém oco pode amar... essa pergunta idiota. Amando, porra. Até bonecas infláveis amam e, melhor, não reclamam de nada, nem do movimento da música, do ritmo descompassado e dos pisões nos pés. Essas coisas das quais eu me enchia pra descarregar em você. Meu vazio me deixava mais segura, e ainda deixa.

Acho melhor que você ame as infláveis. Antes elas dos que as instáveis. Palavrão que você adora, esse. Não entende nada de mulheres. Nem elas mesmas e vão todas às putas que as pariu. E te pariu. Arrebentou minha sandália, me deu torcicolo e ainda acha ruim quando eu reclamo da sua falta de aptidão pra dança. Te pago as aulas, desde que você leve a boneca. Nada de cintura quente roçando nas mãos, a professora é viúva e nada alegre. Estou na tua cola, não pise em falso, não pise em meus pés, aliás, recomendo que, comigo, você pise em ovos. Não, não nas nuvens. Quem falava em blues? Eu falo da vida, falo do amor e dessas coisas que você desconhece. Música não é tudo, e o amor não tem nada de fácil. O amor é só descompasso. O amor enlouquece marca passo, o médico não recomenda. Peça ao doutor pra te emprestar um bisturi mais moderno, aí, quem sabe, você, ao invés de arrancar tudo e deixar o oco, arranca o oco e me deixa tudo.

Me deixe tudo e leve a boneca, os pés, bisturis, mate as aulas de dança e jogue fora as sandálias. Não esqueça o torcicolo. É teu, te concedo, amor.
.
.
.
.
Samantha Abreu
foto de Ellen von Unwerth
.
.
.

24 comentários:

Izabel Xarru disse...

'Me deixe tudo e leve a boneca, os pés, bisturis, mate as aulas de dança e jogue fora as sandálias. Não esqueça o torcicolo. É teu, te concedo, amor'.

amor, ai, te concedo.

Paulo Bono disse...

sensacional, samantha. puta texto.
minha opinião também é que aquele poema é só um poema, aquela canção é só uma canção, aquele filme é só um filme.
amor é outra coisa.

D'angelo disse...

"ao invés de arrancar tudo e deixar o oco, arranca o oco e me deixa tudo." Disse tudo aí.
:)
Amei

Bianca Feijó disse...

Putz, antes as bonecas infláveis que as intáveis?!

:(

Ah, essas mulheres descontroladas...rsrs.

B.E.I.J.O.S

Marcelo Mendonça disse...

A casa está vazia e a dona está incrível! bjo deliciosa

disse...

Nada é simples mesmo...(in)felizmente!

Mary disse...

Eu viajo nos teus textos, Samantha...
E me identifico com este a tal ponto, que imagino o exato momento em que eu despejaria tudo na cara de um certo alguém! Sempre há um alguém pra cada uma das minhas neuroses.
Tem um selo pra tu no meu blog. E é bem sincero o que ele significa! Nem pensei muito pra te escolher...
Beijinhos.
;)

Linda Graal disse...

ai samantha!!! acho que neste texto há uma superação que me arrebenta.
vc esteve perfeita!

Fabrício Fortes disse...

frases que vêm e se encadeiam como um blues.. quando se ouve blues é sempre noite, é sempre triste e sempre se está com fome.

Cabraforte disse...

Sama é o qeu sempre digo o que falar sobre o Amor, é simples mas o simples que complica a vida toda!


"Faz de novo me sentir assim tão dentro e tão fora de ti, sentir seus rins, seu figado, seu utero, você não é minha mãe, mas queria estar dentro de você de novo..."


BJ Sa


Obrigado pelos convites

Ana Cláudia Zumpano disse...

Música não é tudo, e o amor não tem nada de fácil. O amor é só descompasso. O amor enlouquece marca passo, o médico não recomenda.

Samantha, é cada vez melhor sabia.
Adorei, principalmente o final, a ironia...

Adoro seus escritos! Bjos ;*

Andréa Motta disse...

Boa noite! Vim conhecer seu blog e convidá-la a participar da blogagem coletiva COISAS DO BRASIL, em 16 de maio. A idéia é cada um escrever, em seu blog, sobre aquilo que represente a cidade brasileira onde mora ou nasceu, a fim de que, juntos, mostremos a riqueza cultural do nosso país. Estou convidando a todos, até mesmo os brasileiros que residem no exterior; o importante é mostrarmos que o Brasil é um misto de culturas e saberes. Conto com a sua adesão!

Rackel disse...

Ui... 'Até bonecas infláveis amam e, melhor, não reclamam de nada, nem do movimento da música, do ritmo descompassado e dos pisões nos pés. Essas coisas das quais eu me enchia pra descarregar em você. Meu vazio me deixava mais segura, e ainda deixa.'
Será q o vazio te deixa mais segura mesmo?!?!

Adorei esse post... parece uma carta de despedida, sei lá...

bj

anjobaldio disse...

Massa, texto maravilhoso.

Gabri Ela ♥ disse...

' exageradamente perfeito²
amei :D
Beeijo :*

Solin disse...

Finalzinho 10!

Mulheres, seres destinados por natureza a instabilidade.
E tô sob descontrole...

Nao tem Sentido disse...

Samantha.... 10 o texto!

bjs

v.p disse...

Nunca consegui aprender a dançar. Sou desajeitado, não tenho ritmo, tenho mêdo de errar. Isso não me faz te amar menos. Não sei usar um bisturi, tenho medo de machucar, de ferir, de sangrar. Ainda assim lamento tanto que te faça sentir-te vazia, oca das emoções que sonhei te fazer sentir. Bonecas infláveis são teus destemperos, alma cheia de ar, sem roteiro que te faça entender que, não importa o quão imperfeito sou,sou teu caminho, teu amor, onde podes resmungar, sem pudor, toda tua dor.

bossa_velha disse...

"...aí, quem sabe, você, ao invés de arrancar tudo e deixar o oco, arranca o oco e me deixa tudo."
adorei isso.

Salve Jorge disse...

(Ele assistiu a tudo aquilo como uma atenção sacra, quase como se quisesse ofendê-la, muito embora isso não exigisse qualquer esforço..) - Eu tiro os pés do teu caminho.. (disse baixando os olhos para os pés dela, como se estivesse diante de Buda.. quis beijá-la nos pés, nos joelhos, nas coxas e nas idéias.. ergueu o olhar para os olhos confusos e decididos dela..) - Não entendo.. mas eu tiro os pés do seu caminho. Daí tudo vai ser música. Não vai ser perfeito. Não vai ser oco. Não vai ser nada que palavra alguma possa agora dizer, uma vez que não referencial semântico algum. Mas vai ter música.. e eu tiro os pés do seu caminho...

Three Love's disse...

Caramba!!!!
Isso sim é um texto explosivo, intenso, aqueles texto que se escreve num fôlego só!

Incrível, parabéns, descontroladas!!!

On The Rocks disse...

oi, curti seu blog. foi nelson magalhães que me indicou. legal.eu também tenho um. on the rocks:
http://buenasrocks.blogspot.com

Paulo D'Auria disse...

"Acho melhor que você ame as infláveis. Antes elas dos que as instáveis."

Muito bom... Como sempre!

Beijos

somebody disse...

酒店經紀人,菲梵酒店經紀,酒店經紀,禮服酒店上班,酒店小姐,便服酒店經紀,酒店打工,酒店寒假打工,酒店經紀,酒店經紀,專業酒店經紀,合法酒店經紀,酒店暑假打工,酒店兼職,便服酒店工作,酒店打工經紀,制服酒店經紀,專業酒店經紀,合法酒店經紀,酒店暑假打工,酒店兼職,便服酒店工作,酒店打工,酒店經紀,制服酒店經紀,酒店經紀
,